sexta-feira, setembro 01, 2017

Menos mal…

Fugindo um pouco ao hipermercado dos saloios e dentro da bitola habitual a SAD foi ao mini preço e adquiriu um médio defensivo. Achei bem e penso que é com este tipo de jogadores, um pouco ao estilo de Tandjigora, que podemos construir uma equipa competitiva. Isto quer dizer que ultrapassámos a fase dos jogadores de nomeada em situação de pré-reforma e naturais clientes do posto médico. Assim como parece que estamos a ultrapassar a fase de barriga de aluguer dos ‘eucaliptos’ que nunca trazem proveito nem glória para o Belenenses. Antes pelo contrário. Neste caso seria melhor pedir jovens emprestados aos grandes clubes sul-americanos. 

E continuando no bom sentido concordei em absoluto com o empréstimo de Femi Balogun para jogar com frequência na Académica e assim ganhar o traquejo que ainda lhe falta. 

E agora que mais é que falta?! Boa pergunta! Faltam algumas coisas e já lá vamos. Falta em primeiro lugar não fazermos faltas estúpidas perto da nossa área e estou a lembrar-me que nestas quatro primeiras jornadas fizemos três dessas faltas e sofremos três golos!

Foi a falta despropositada do Juanto em Vila do Conde de cujo livre nasceu o único golo do Rio Ave! Foi a falta idiótica do Yebda sobre o Sálvio de que nasceu o primero golo do Benfica logo aos dois minutos, com o Sousa a ajudar pondo os avançados encarnados em jogo! E foi a falta precipitada do Femi Balogun no jogo com o Setúbal de que resultou o livre e o golo do empate sadino! Ora isto tem que acabar. É trabalho para o Domingos e jogadores desconcentrados e infantis não precisamos.

Falta ainda resolvermos o problema central da nossa defesa, quer nos alinhamentos do 3-5-2 quer nas dobras ao lateral esquerdo. Penso que esta aquisição do médio defensivo vai um pouco nesse sentido.

Do meio campo para a frente as faltas mais visíveis podem ser compensadas e consertadas. Estou convencido que o Tiago Caeiro e o Miguel Rosa vão acabar por ficar e podem, cada um à sua maneira ajudar o Belenenses nalguns jogos. Não será por aí que a SAD vai à falência. Aliás, qualquer equipa tem quatro pontas de lança e por isso não vejo necessidade de mandar o Caeiro para a Índia, especialmente depois de termos perdido Goa! Quanto ao Miguel Rosa acho que tem a polivalência necessária pra jogar na ala ou, como sempre preferi, mais perto da área adversária. E em Janeiro logo se vê o que a casa gasta.


Saudações azuis 

xmlns:dc="http://purl.org/dc/elements/1.1/"

<< Home